Como chegar a Machu Picchu – Parte 1

Como chegar a Machu Picchu - todas as formas
Como chegar a Machu Picchu – todas as formas

Machu Picchu é uma das 7 Maravilhas do Mundo e é, sem dúvida, o local pré-colombiano mais encantador de toda a América do Sul. Desde 1983 que Machu Picchu é considerado Património Mundial pela UNESCO. A Cidade Perdida dos Incas foi descoberta em 1911 e, mais de um século após a sua descoberta, ainda se colocam questões sobre a sua origem e utilidade. Seja como for, é um dos lugares mais fascinantes do mundo. Porém, descobrir como chegar a Machu Picchu pode não ser a tarefa mais fácil do mundo. Isto porque a Cidade Perdida fica no topo de uma montanha, no sopé da povoação de Aguas Calientes, acessível apenas por comboio, ou a pé. Assim, para chegar a Machu Picchu é necessário chegar primeiro a Aguas Calientes e só depois subir a montanha até ao complexo arqueológico. Essencialmente, existem três formas para chegar a Aguas Calientes e duas para chegar a Machu Picchu.

🥾 Trekking – a forma mais famosa de chegar a Machu Picchu

Caminho Inca ou Inca Trail
O Caminho Inca é uma das formas mais procuradas para chegar a Machu Picchu
Caminho Inca ou Inca Trail
Alguns dos amigos que poderás encontrar pelo caminho

O Caminho Inca é uma experiência extraordinária e é a forma mais tradicional no que toca a como chegar a Machu Picchu. Afinal, é o caminho que os Incas percorriam para chegar à Cidade Perdida e é aí que reside todo o seu encanto.

A travessia demora 4 dias e é bastante exigente, pelo que convém ter alguma preparação física. São muitos quilómetros repletos de subidas, zonas frias e montanhosas, mas também climas semitropicais. Será, certamente, uma experiência única da qual nunca mais te vais esquecer.

Não é possível fazer o Caminho Inca de forma independente, pelo que terás sempre de passar por uma agência. Existem imensas agências a oferecer o tour para o Caminho Inca, com tudo incluído, desde guia, tendas e material de campismo, bem como refeições. Recomendo-te as agências Machu Picchu Reservations, é a que tem melhor reputação. Outra agência muito procurada é a Kb Adventures.

O trilho de 4 dias e 3 noites tem início no km 82 da linha ferroviária Ollantaytambo – Aguas Calientes. Há uma versão mais curta, de 2 dias e 1 noite, com início no km 104.

Por ser uma atividade tão procurada pelos turistas, os preços do Caminho Inca têm vindo a subir exponencialmente nos últimos anos. A média ronda os 400 euros. Mas tudo depende da agência que escolheres e do teu poder de negociação. A versão curta não é muito mais barata, pelo que só compensa se não tiveres tempo.

Recentemente, há um outro trilho que tem ficado cada vez mais famoso e são cada vez mais aqueles que o procuram como forma de chegar a Machu Picchu – é o Salkantay Trek, bem mais barato e menos procurado do que o Inca Trail.

Nascer do sol em Machu Picchu
O nascer do sol em Machu Picchu é um momento mágico!

👉 Informações importantes sobre o Caminho Inca:

  • O Caminho Inca tem um limite diário de 500 pessoas (para o trilho de 4 dias) e, por isso, as vagas esgotam rapidamente. Convêm reservar com o máximo de antecedência possível, entre 3 a 4 meses, ou até mais, se fores durante os meses de julho e agosto;
  • O trilho de 2 dias tem um limite diário de 250 pessoas. Como não é tão procurado, não é necessário reservar com tanta antecedência;
  • O Caminho Inca encontra-se encerrado durante os meses de fevereiro;
  • Geralmente as agências pedem um pagamento de 50% no momento da reserva. Isto porque o sistema de reservas para o Machu Picchu é bastante rígido. Após o pagamento, não há espaço para devoluções ou alterações.

🚂 Comboio – a forma mais rápida para chegar a Machu Picchu

Peru Rail Comboio até Machu Picchu
O comboio é a forma mais fácil de chegar a Machu Picchu
comboio como chegar a Machu Picchu
O caminho atravessa paisagens lindíssimas

O comboio é a forma mais rápida de chegar a Machu Picchu e também aquela que é mais utilizada pelos turistas. Na verdade, é o único meio de transporte que chega até Aguas Calientes, já que não há estrada até lá.

Nos últimos anos, as viagens de comboio entre Cusco e Aguas Calientes tornaram-se num verdadeiro monopólio turístico – os preços dos bilhetes subiram exponencialmente e, atualmente, ultrapassam largamente o valor de acesso ao próprio Machu Picchu. Não faz nenhum sentido, mas os interesses falam mais alto quando toca a ganhar dinheiro.

Existem duas empresas ferroviárias a realizar viagem até Aguas Calientes – a Peru Rail e a Inca Rail. Ambas fazem ligações entre Cusco (estação de Poroy) e Aguas Calientes. A viagem dura cerca de 3h30 (115 km). Também há comboios a partir de Ollantaytambo, o que pode ser uma opção caso queiras pernoitar por lá. Neste caso, a viagem tem uma duração de 2 horas. Podes regressar de Ollantaytambo a Cusco de autocarro por cerca de 10 S./. Já o preço das viagens ronda os 100/ 120 euros, para cada sentido! Um balúrdio. Ambas têm diferentes tipos de comboios, para diferentes preços e condições.

como chegar a machu picchu de comboio
É impossível não tirar dezenas de fotos!

👉 Informações importantes sobre o comboio para Aguas Calientes:

  • Compra o bilhete com bastante antecedência, pois costumam esgotar rapidamente, especialmente durante os meses de julho e agosto. Podes comprar nos sites oficiais – Peru Rail e Inca Rail;
  • Imprime o bilhete de comboio em papel. Por vezes são picuinhas com estas coisas;
  • Há um peso máximo de 5 kg, no que toca ao peso da mochila/ mala que podes levar contigo no comboio. O ideal é levar uma mochila apenas com o essencial e deixar o resto dos pertences no hotel em Cusco, uma vez que voltas para lá.

🚌 Autocarro e Caminhada – a forma mais barata para chegar a Machu Picchu

caminhada até à hidroelétrica
O caminho desde Aguas Calientes até à Hidroelétrica está bem sinalizado
Trilho até aguas calientes
O trilho até Aguas Calientes é uma verdadeira aventura

Esta é a forma mais barata de chegar a Aguas Calientes, mas também a mais demorada. Implica uma viagem de autocarro desde Cusco até à Hidroelétrica, seguida de uma caminhada entre esta última até Aguas Calientes. Os autocarros/ minivan que vão até à Hidroelétrica saem de Cusco às 6h da manhã e chegam por volta das 14h. É uma viagem longa e cansativa. O caminho é um pouco sinuoso e pode ser perigoso. Não recomendo fazê-lo durante a época das chuvas.

Quase todas as agências turísticas oferecem viagens até à Hidroelétrica, mas recomendo-te recorreres a uma com boa reputação. Recomendo-te a Machu Picchu Bus Packers e a Real Inca.

Na Hidroelétrica tens um restaurante, o único, onde poderás comer alguma coisa. De seguida, espera-te uma caminhada de 10 km até Aguas Calientes. O caminho é muito simples e é impossível perderes-te – basta seguir o trilho junto à linha de comboio. Apesar da distância, o caminho é quase sempre plano e não oferece grandes dificuldades. Como estás a baixa altitude, não será difícil. Há muitos turistas a fazer o percurso, por isso não estás sozinho. Pelo caminho vais encontrar ainda algumas bancas com fruta, água e café. O trilho é lindíssimo e as paisagens são espetaculares. Vale muito a pena!

como chegar a machu picchu
Pelo caminho vais encontrar algumas bancas com água, fruta e comida

A minha experiência pessoal

a minha experiência pessoal sobre como chegar a Machu Picchu
A minha experiência

Devido ao elevado preço dos comboios, acabei por ir de Cusco a Aguas Calientes de minivan/ caminhada e de regressar de comboio. Consegui comprar um bilhete de comboio por 45 USD, numa promoção da Peru Rail. Não me arrependo da escolha que fiz e até recomendo.

O trilho é muito bonito e trouxe algum misticismo à experiência em si. A única desvantagem é o tempo – precisas de um dia só para ir, mais outro para visitar o complexo de Machu Picchu e regressar a Cusco. O facto de termos regressado de comboio foi uma boa decisão. Caso contrário, se viéssemos da mesma forma que fomos, teríamos de nos apressar no complexo de Machu Picchu. Isto para garantir que sairíamos de Aguas Calientes às 10h da manhã, de forma a chegar a tempo à Hidroelétrica (as minivans saem entre as 14h e as 15h).

Fazer ida e volta a pé é muito cansativo. Se conseguires um mix entre caminhada e comboio, ficarás bem servido em termos de cansaço versus experiência.

✋ Não te esqueças de fazer um seguro de viagem

Seguro de Viagem IATI 2
Seguro de viagem IATI

Se vais viajar para o Peru, é imprescindível fazer um seguro de viagem. Os acidentes podem acontecer a qualquer um, mas não precisam de estragar a tua viagem. Com um seguro adequado para o teu tipo de viagem, estás protegido para uma série de contratempos como roubos, perda de malas, atraso de voos, problemas de saúde, cancelamento devido à COVID-19, entre muitos outros. Podes consultar aqui as vantagens do seguro de saúde IATI.

Se utilizares este link, tens 5% de desconto no teu Seguro de Viagem. Esta é uma boa forma de apoiares o meu projeto, uma vez que eu recebo uma pequena comissão ❤️

Estás a planear uma viagem para o Peru? 🇵🇪

Guia de Viagem Peru
Guia de Viagem Peru

Neste Guia de Viagem vais encontrar toda a informação que precisas para organizar uma viagem de forma totalmente independente. Aqui tens informação prática sobre o país (segurança, visto, dinheiro, cuidados de saúde, etc) bem como tudo o que precisas de saber para planear a tua viagem (qual a melhor forma de chegar ao país, que meios de transporte utilizar, em que tipos de alojamento ficar). Inclui ainda roteiros específicos para visitares os principais destinos do Peru, bem como tuuudo o que precisas de saber para visitar os principais destinos do Peru

Outros artigos que te possam interessar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Scroll to Top